domingo, 23 de junho de 2013

LIÇÃO DE EQUILIBRISTA

LIÇÃO DE EQUILIBRISTA (Por Jefferson Acácio)

Algumas de nossas lições se assemelham com as praticadas pelos artistas circenses, entre elas, em especial – O equilibrista. Caminhar com equilíbrio na corda bamba, para quem assiste, é venerável. Mesmo como espectadores, nos passa um frio na barriga, uma aflição tolerável em nosso estômago. A sensação que temos é de deslumbre com movimentos suaves, simplórios, seguros, dinâmicos, e acima de tudo com graça e leveza.
Mas, então, eu me pergunto como terá sido todo o processo perpassado pelo artista para chegar àquela apresentação¿ A palavra mágica do circo é a mesma que precisamos vivenciar em nossas vidas: EQUILÍBRIO.
Mas você acha que equilíbrio é o simples fato de tentar manter-se em pé numa corda? Não Não. Somente o corpo não alcança o equilíbrio. Sua mente precisa produzir a química que sincroniza o corpo. E para isso acontecer, o artista da vida ter:
VONTADE para gerar a expectativa de chegar ao outro lado da corda bamba;
DETERMINAÇÃO para transformar desejo em planos e meta;
ATITUDE para executar;
DISCIPLINA para não perder o foco, para ignorar os fatores externos que o incomoda com mais tolerância, para não desvirtuar-se do plano, para estabelecer novos comportamentos e atitudes que serão necessários, corrigir padrões que o prejudicava, romper com os vícios e costumes não benéficos para o andamento dos aprendizados, para ter paciência com os resultados graduais;
CORAGEM para vencer os medos internos, subir na corda e encarar os primeiros testes; e
CONFIANÇA para não perder a coragem, para não temer dos riscos para cada queda, uma proteção o sustentará, e a cada vez que levantar e voltar novamente ao picadeiro a confiança está mais firme que uma rocha.
Para cada um desses princípios haja TREINO e EXERCÍCIO. E a cada exercício você SUPERA os padrões anteriores, fortalece-se e adquire uma CONSCIENCIA dos teus limites e desenvolve os primeiros estágios do EQUILIBRIO.
Vê, é uma mera questão de técnica, qualquer um consegue, e assim que domina a dinâmica do equilíbrio, você atravessa a corda bamba e alcança o outro lado do pretendido. E de modo algum perde a DISCIPLINA e os princípios que aprendeu. A CONTINUIDADE o evolui em SABEDORIA.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

siga por email